Salão do Automóvel de São Paulo

8 de novembro de 2018 |Nenhum Comentário

Iniciado há 58 anos o Salão do Automóvel de São Paulo não é tão antigo quanto as feiras de Paris ou Detroit, ambas centenárias. Porém, a mostra paulista, que acontece a cada 2 anos, completa o importante marco de 30 edições em 2018. A feira abre as portas na quinta (8) ao público. A edição de 2018 terá a ausência de Jaguar, Land Rover, Peugeot e Citroën, Jac e Volvo. ainda assim serão 29 fabricantes expondo seus modelos.

Carros que devem ser destaques do Salão do Automóvel de 2018

A mostra deste ano será palco para muitas e grandes novidades para o mercado brasileiro e deverá ser o “salão da retomada”, com os números de vendas e produção em alta nos últimos 2 anos, cenário bem diferente do visto na edição anterior, em 2016. O primeiro final de semana coincidirá com o GP Brasil de Fórmula 1. O evento também acontecerá durante o feriado prolongado de 15 de novembro. Saiba mais:

DATAS E HORÁRIOS

8 a 17/11 – 13h às 22h (entrada até às 21h)

18/11 – 11h às 19h (entrada até às 17h)

EVITE A ‘MUVUCA’

A organização espera que 700 mil pessoas visitem o salão neste ano. O primeiro dia (8/11) costuma ser o menos cheio. Durante a semana, o público é menor e os ingressos, mais baratos. Mesmo assim, as tardes em dias de semana tendem a ter menos gente do que as noites. Atente-se, porém, para o feriadão, que deve ter mais público. Se não puder evitar os finais de semana, procure chegar na primeira hora após a abertura. Fique atento: só é possível entrar até uma hora antes do horário de fechamento do salão. No último dia, esse limite vai até duas horas antes do encerramento.

ONDE

Será a segunda vez que a feira acontecerá no São Paulo Expo, localizado na Rodovia dos Imigrantes, km 1,5, na Zona Sul da cidade. O pavilhão conta com ar-condicionado e excelente infra para atender os visitantes.

São Paulo Expo


BICICLETAS

Também haverá um bicicletário com capacidade para 200 bikes. O serviço é gratuito, mas o usuário precisa levar cadeado e corrente. Já o guarda-volumes próximo ao portão de saída do pavilhão custará R$ 20.

ESTACIONAMENTO

O São Paulo Expo dispõe de mais de 4.200 vagas cobertas, e acesso direto ao pavilhão por uma passarela. Além do estacionamento principal do pavilhão, há o estacionamento Vip, com entrada pela Rua Etruscos, 70. Os preços para o período de 12 horas custam para carros R$ 45, motos R$ 25, vans R$ 70. Para demais veículos consulte o site do evento. Ainda existe estacionamento alternativo custando R$ 30 para todos os veículos, na Avenida Miguel Estéfano, 2659 com transporte gratuito para o Salão.

INGRESSOS

Podem ser comprados antecipadamente pelo site. Crianças de até 5 anos não pagam a entrada e de 6 a 12 anos pagam meia. Todos os ingressos comprados pela Internet deverão ser impressos. Todas as compras feitas por meio digital terão uma taxa de “conveniência” de 10%. É possível comprar ingresso sem a taxa de conveniência no Bar Brahma Centro. A taxa também não será cobrada para ingressos vendidos no pavilhão durante o evento. Caravanas e quem segue a página do Salão de SP nas redes sociais terão 10% de desconto na compra de ingressos. Ingressos especiais: 
Eles têm quantidade limitada por dia e não estão sujeitos a descontos, gratuidades (meia-entrada) e outras promoções. Crianças de todas as idades também pagam o valor integral desses pacotes. Para conhecer mais acesse os sites de vendas. 

Primeiro dia (8/11) – R$ 50 (meia: R$ 25)

Outros dias da semana – R$ 72 (meia: R$ 36)

Fim de semana, feriado e sexta-feira (16/11) – R$ 90 (meia: R$ 45)

www.salaodoautomovel.com.br

totalacesso.com/pagina/SDAIngressoDiario

TEST-DRIVE

Três marcas já confirmaram presença no espaço externo para oferecer experiências ao volante para os visitantes: Chevrolet, Volkswagen e Nissan. 

MOTOS

O Salão do Automóvel também tem espaço para motos. A Ducati apresentará suas principais novidades no estande de Audi e no Dream Lounge.

APLICATIVO

O evento também tem um aplicativo onde é possível conhecer as principais atrações do evento, comprar ingressos, interagir com outros visitantes, conhecer os expositores e seus destaques, além do mapa do Salão.

DÚVIDAS GERAIS

Posso tirar fotos dos carros? Sim, é permitido levar câmeras e celulares. 

Será permitido entrar nos carros? Isso varia de marca para marca. Em geral, modelos mais luxuosos costumam ficar fechados, às vezes isolados, ou a entrada só é permitida acompanhada de um expositor. 

Posso entrar com meu bicho de estimação? Não, é proibida a entrada de animais de quaisquer espécies ou portes, exceto o acesso de cães-guias, devidamente autorizados pela organização.

E quando a fome apertar? Na praça de alimentação, o visitante terá opções de lanchonetes e food trucks, além de restaurante fixo.

O lugar tem facilidades para pessoas com dificuldades de locomoção? Para os visitantes com necessidades especiais, a organização disponibiliza cadeiras de rodas motorizadas, área de estacionamento exclusiva, serviço preferencial para credenciamento, banheiros adaptados e rampas de acesso. As cadeiras de rodas precisam ser solicitadas na Sala de Segurança e estão sujeitas a disponibilidade.

E se eu precisar de atendimento médico de emergência? Durante o evento, uma equipe de médicos e enfermeiros ficará à disposição.

Se eu for furtado, a quem posso recorrer? O pavilhão tem uma sala de segurança para dar apoio em casos de furtos. Ali também estará o “achados e perdidos” durante a feira.

Fonte: Site G1

Categorias: Esportes, Eventos, Viagem

Dicas de organização da consultora Micaela Góes, do Santa Ajuda

19 de outubro de 2018 |Nenhum Comentário

A revista Claudia recebeu a consultora de organização Micaela Góes em sua redação para um bate-papo sobre organização. A apresentadora do programa Santa Ajuda, do GNT, compartilhou truques valiosos para colocar um ponto final definitivo à bagunça da casa.

A personal organizer, Micaela Góes do programa Santa Ajuda do Canal GNT

Trace metas possíveis 

“Não adianta tirar um dia para arrumar todos os cômodos de uma só vez, porque é impossível!”, diz Micaela. Para a expert, é preciso separar a bagunça. Por exemplo: em um dia, organize a geladeira. No outro, as gavetas da cozinha. E assim sucessivamente. A ideia é que não bata o desânimo e a arrumação fique pela metade. “Além de ainda mais confusão entre os objetos, você se sentirá frustrada”, explica.

Faça uma triagem

Por onde começar? “Separe o que fica, o que será doado e o que será jogado no lixo”, ajuda a consultora. No programa Santa Ajuda, os pertences são separados em baldes de cores diferentes para facilitar. Com a certeza do que permanece, você está pronta para colocar tudo no lugar.

Setorizar é importante

Exatamente por isso, setorizar é importante. “A bagunça começa quando temos um objeto em mãos, mas não sabemos qual o lugar certo para guardá-lo. E então, jogamos em qualquer canto”, argumenta. Para ela, a partir do momento que tudo tem um espaço determinado, fica mais fácil cultivar o hábito da arrumação. Dica de ouro: guarde os objetos nos cômodos em que são mais usados. “Por exemplo: não faz sentido guardar seu grampeador na cozinha, se costuma precisar dele enquanto trabalha no escritório. Parece óbvio, mas te fará ganhar tempo no dia a dia”.

Crie um hábito

Rotina é fundamental para os bagunceiros de plantão. Nos primeiros dias, será importante se condicionar a guardar tudo, mas Micaela garante que o movimento se tornará natural com o passar do tempo.

Envolva as pessoas da família na arrumação

“Eu nunca jogo os brinquedos da minha filha no lixo sem autorização, por exemplo. Precisamos respeitar o espaço do outro”, diz a consultora. Para que a mudança seja efetiva, as pessoas devem se sentir parte daquilo e prontas para se desapegar. Faz todo o sentido, não é?

Fonte: Site Claudia – Por Isabella Marinelli 

 

Categorias: Sem categoria

Airbnb, o Facebook da Hospedagem

7 de julho de 2014 |Nenhum Comentário

Os brasileiros estão descobrindo os serviços de hospedagem compartilhada por meio de redes sociais, como a Airbnb. O serviço, que já ajudou mais de 11 milhões de pessoas em 192 países a encontrar um cantinho, está em franco crescimento. E esta curva não está associada somente à hospedagem de baixo custo. É possível encontrar de tudo para alugar, de apartamentos mais simples à mansões, de coberturas deslumbrantes à casas de árvore. Proporcionar uma experiência legítima da cultura local é um dos pontos defendidos por alguns usuários.

Sem título-2

A plataforma foi construída como uma grande rede social. O site estipula um valor base que varia de acordo com a casa e sua localização, mas o preço final é definido entre hóspede e anfitrião. Cerca de 3% do valor da reserva fica para o site. Vários recursos garantem a segurança dos viajantes, como o serviço gratuito de fotografia, que atesta a legitimidade das imagens anunciadas. Se algo der errado, o site é obrigado a arranjar um novo local na mesma cidade, pelo mesmo preço. A Airbnb também tem um serviço de avaliação, por meio do qual é possível conhecer o perfil do inquilino e o que os demais hóspedes escreveram sobre ele, sobre a casa e sobre a experiência de hospedagem. É um excelente termômetro para se escolher onde ficar.

mi_9723546995977045

Fonte: www.istoe.com.br  /  www.airbnb.com.br

Categorias: Viagem

Expo Revestir 2014 homenageia Athos Bulcão

15 de maio de 2014 |Nenhum Comentário

Consolidada como o principal evento de soluções em acabamentos para a construção civil da América Latina, a 12° Expo Revestir, realizada de 11 a 14 de março, foi encerrada com recorde de visitação. Foram mais de 250 expositores que receberam nos 4 dias do evento cerca de 51 mil pessoas. Segundo a organização, a próxima edição já está confirmada para o período de 3 a 6 de março de 2015.

Iremos apresentar as tendências, novos materiais e soluções, além de outras novidades numa série de matérias. Começaremos com o homenageado na cerimônia de lançamento do evento, o artista Athos Bulcão (1918-2008).

Já reconhecido por sua obra, em 1957, Oscar Niemeyer chama Athos Bulcão para juntar-se à equipe encarregada em projetar a nova capital do país. O artista desenvolve então uma série de murais, sobretudo pautados pela abstração geométrica e tendo como suporte o azulejo. Com eles, Athos incrementou dezenas de edifícios em Brasília, conferindo um colorido especial às novas construções de concreto.

Para além da beleza, Athos Bulcão foi um pioneiro. Ele estabeleceu algumas regras para os assentadores – queria evitar repetições esquemáticas e fáceis – e lhes deu liberdade para proceder. A princípio tímidos, os responsáveis pela tarefa passaram a usufruir da autonomia até então inédita. Entendida por Athos como parte natural do processo, a iniciativa ao mesmo tempo pioneira e generosa integrou o modus operandi dos painéis que vieram a seguir e se inscreveu na história do muralismo.

Para conhecer mais acesse o site da fundação que leva seu nome www.fundathos.org.br/

Athos Bulcão

Athos Bulcão

Athos Bulcão

Fonte: www.exporevestir.com.br/2014/ Revista Arquitetura & Construção – Anuário de Revestimentos, Louças e Metais 2014

Categorias: Arquitetura, Design, Novidades, Sem categoria